segunda-feira, 2 de junho de 2008

a múSIca dos AfecTOs ... o sentIR dos fetos

(3ª parte)

...

... a múSIca dos AfecTOs ...

... o sentIR dos fetos ...

...

eXIStem formas de proMOVEr a estimulAÇÃO fetal ?

o que sabEM os FETOs?


Marie-Claire Busnel* escreveu que ... "O feto passou recentemente do status de estrutura puramente fisiológica ao do ser sensível. Mas isso não quer dizer que ele tenha as mesmas capacidades de um adulto. Os seus órgãos em formação ainda são frágeis, e um excesso de estímulo pode alterar a evolução funcional normal.




Assim, o feto já tem uma certa percepção tanto do meio externo quanto do meio interno através dos sabores, dos odores, dos contatos táteis e dos sons.



Ele percebe os movimentos de sua mãe, suas carícias, o que ela consome e as mudanças psicológicas que refletem os estados emocionais maternos. Esses conceitos, revelados pela experimentação e que confirmam algumas das coisas que as mães "sentem", geram novas atitudes para com a gestação e o nascimento. As mães, conscientes das capacidades de seu bebê desde antes do nascimento, permitem-se estabelecer uma relação precoce com seu feto, assim como muitos pais." **



... COmUNIcação para ... o bebé ...


Na múSIca dos AfecTOs ... o sentIR dos fetos

A nossa vida é feita de ritmos e sons: da respiração, das palavras ditas, da nossa voz, das músicas que escutamos.

A vida (intrauterina) é abraçada pela a influência dos sons – harmonia, ritmo, melodia .

A vida (intrauterina) é abraçada pela importância da voz, do canto e da fala.



Como é que a múSIca dos AfecTOs ... afecta o sentIR dos fetos?

Ouvir boa música, contar histórias e falar "a carinhosa palavra" são maneiras de interagirmos com o novo ser de uma forma muito mais harmoniosa e completa.

Ao trabalhar o equilíbrio da mãe, trabalha-se o equilíbrio da criança no útero.

para a múSIca dos AfecTOs ... afectar o sentIR dos fetos, é também preciso ...

... valorizar a VOZ do PAI

(também ela importante: a energia desta voz, interagindo desde o início da gestação).

E sobretudo, que as palavras sejam amorosas, afectuosas, numa linguagem



de coração para



a CORoAÇÂO

"do rei que está dentro da barriga".





a propósito da múSIca dos AfecTOs ... o sentIR dos fetos

sugiro que consultem/leiam:


  1. "Palavras para nascer", de Myriam Szejered. - São Paulo - Casa do Psicólogo - 1999
  2. L’Haptonomie périnatale (A haptonomia perinatal), de Catherine Dolto-Tolitch, CD Gallimard, coleção A voix Haute, Paris, 1999.
  3. L’Eveil sensoriel de mon enfant (O despertar sensorial de meu filho), de Claudie Gordon-Pomaref, Editora Hachette-Parents, Paris, 1995.
  4. http://musicoterapia.com.sapo.pt/



*Marie-Claire Busnel Laboratório de Psicobiologia do Desenvolvimento-Paris



**L’Aube des sens (A alvorada dos sentidos), de Marie-Claire Busnel e Eric Herbinet, Editora Stock, 8a edição, Paris, 1991.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Ocorreu um erro neste dispositivo
Ocorreu um erro neste dispositivo
Ocorreu um erro neste dispositivo
table cellspacing="0" cellpadding="0" border="0" bgcolor="#ffffff">Click to play this Smilebox invite: Public IdadesCreate your own invite - Powered by SmileboxMake a Smilebox invite

calculadora da gravidez